Matchbox Twenty: More Than You Think You Are – #oldbutgold

Matchbox Twenty - More Than You Think You Are

Em 2002 o Matchbox Twenty lançou o álbum More Than You Think Are. Nessa época, a banda já era bastante conhecida pelos seus discos anteriores (Yourself Or Someone Like You – 1996, Mad Season – 2000) e apesar de esse seu terceiro CD ser muito bom, na minha opinião, ele não emplacou tanto quanto os dois primeiros. Para quem está se perguntando quem é Matchbox Twenty e que disco é esse que eu estou falando, duvido você não reconhecer as duas músicas abaixo:

E aí? Reconheceu não foi?

Naquele ano essas duas músicas tocaram bastante aqui no Brasil – pelo menos nas rádios do Rio – e apesar de a maioria das pessoas não saberem de quem se tratava, as músicas em si fizeram bastante sucesso. A questão é que elas me “convidaram” a conhecer um pouco mais do grupo e, especialmente, o álbum de origem delas. E eu curti, viu?

Depois de ouvir este álbum até furar, eu resolvi conhecer os anteriores e posso dizer que são um pouco diferentes deste terceiro. O More Than You Think You Are tem uma pegada mais rock e já começa com o astral lá em cima com a música Feel, a primeira do disco. Ao longo do disco dá para perceber que as letras das músicas exprimem um certo sofrimento, que pelo que percebi é característico da banda. E por essa característica, ou não, as músicas seguintes não perdem o rock, mas ficam mais melódicas, principalmente Bright Lights, Hand Me Down e Soul, além da já conhecida Unwell, é claro. Todas têm uma melodia bem gostosa de ouvir e letras também interessantes, apesar de levemente sofridas como disse antes.

As outras já são mais animadas chegando ao ápice da animação em You’re So Real e So Sad, So Lonely (escondida na última faixa). Gosto muito dessa primeira música porque ela tem uma letra meio “revoltada” e acho que a melodia consegue representar muito bem isso. É um rock com muita letra que ficou bom, diferente de algumas músicas da Pitty (pronto, falei!).

Além dessas existem Cold, All I Need, Could I Be You e The Difference, também muito boas! Enfim, para quem não conhece, vale a pena conhecer. E para quem conhece e já tinha esquecido, vale a pena relembrar o More Than You Think You Are. Ele foi lançado há 13 anos mas, como o próprio título do post diz, o que é #oldbutgold merece ser revisitado de vez em quando, não é verdade?

E para matar a curiosidade, atualmente o Matchbox Twenty continua na ativa, após um hiato de 3 anos entre 2004 e 2007. Em 2013 eles tiveram a oportunidade de se apresentar no Rock in Rio, no Rio e o último álbum de estúdio deles foi lançado em 2012, 10 anos depois de More Than You Think You Are. Esse último disco se chama North, estreou no topo da Billboard e vou conhecê-lo agora. Quem sabe daqui uns tempos ele não aparece por aqui também.

Agora o resumão…

More Than You Think You Are (2002):
1. Feel
2. Disease
3. Bright Lights
4. Unwell
5. Cold
6. All I Need
7. Hand Me Down
8. Could I Be You
9. Downfall
10. Soul
11. You’re So Real
12. The Difference

Top #3:
Esta deveria ser a parte em que eu indico as 3 melhores músicas do disco… não consegui escolher só 3…

Bottom #3:
Esta deveria ser a parte em que eu alerto sobre as 3 piores músicas do disco… não consegui escolher nenhuma…

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: