Comprando um Skate Longboard

Longboard

O skate longboard é um esporte interessante por proporcionar atividade física, lazer ao ar livre e boa mobilidade para levá-lo e curtir diferentes lugares. Esses aspectos me animaram a querer comprar um skate longboard para aprender e tentar curtir uns passeios. Só que não possuía experiência nenhuma com skate, então não queria gastar muito, pois havia o risco de não gostar e acabar largando o skate de lado. Ou seja, queria um skate bom o suficiente para não atrapalhar a minha experiência e aprendizado e barato o suficiente para não ser muito dinheiro perdido caso desistisse.

Como não tinha nenhum conhecimento e que eu soubesse um único amigo meu tinha um longboard, resolvi visitar lojas e conversar com vendedores até que eu ficasse convencido da melhor opção de compra. Esse amigo havia comprado um skate barato e achou necessário trocar os rolamentos para conseguir correr mais, além disso ele sabia que quanto maior o shape (vou explicar mais sobre isso abaixo), maior a estabilidade do skate. Apenas com essas informações, saí à busca do meu skate.

Depois de visitar muitas lojas e conversar muito com os vendedores, já estava sabendo um pouco mais e conseguia até avaliar minimamente quando um vendedor estava me enrolando ou não. Uma coisa importante a saber são as peças que compõem um skate.

Shape

É a tábua ou prancha que serve de base para o skate e onde você fica em cima. Os shapes de longboard costumam ter por volta de 1 metro de comprimento. Os mais normais são feitos de compensado naval, mas existem os de compensado de madeiras “especiais”, como maple ou bamboo. Existem vários formatos de shape, os vendedores dizem que cada um deles é mais “indicado” para um objetivo. Não sei afirmar se faz realmente diferença, mas duas características me pareceram realmente significativas: a largura e a distância entre os furos para fixação do truck. Ambos os casos quanto maior, melhor. A largura é importante para que tenha espaço suficiente para acomodar os pés, ainda mais no caso de um iniciante. Já a distância entre a furação dos trucks (ou entre eixos), quanto maior for, mais estável será o skate. Outra possibilidade é o shape ter tail (traseira do shape inclinada para cima) ou nose (frente do shape inclinada para cima), que servem para manobras. Como no meu caso o o objetivo é passear, ambos são desnecessários.

Truck
São os eixos das rodas do skate. Todos são feitos de algum metal. Existem os modelos tradicionais e os invertidos. No caso de um longboard, é mais indicado o truck invertido, pois ele é melhor para fazer curvas. A largura do truck (trave) também é importante para a estabilidade do skate, sendo o mais comum para longboards os de 180mm e quanto maior, mais estável será o skate.

Rodas
Até que o skate flutuante de Marty McFly se torne realidade, são necessárias 4 rodas para permitir a um skate deslizar no chão. Elas são junto aos rolamentos responsáveis pela velocidade que seu skate alcançará, mas não apenas isso, também definem quanto confortável será utilizar o skate e quanto de aderência ao chão ele terá. As principais características das rodas são a dureza e o diâmetro.

Rodas

A dureza do material da roda é medida numa escala que varia de 0A a 100A, mas a dureza das rodas de skate normalmente estão na faixa entre 70A e 99A. Quanto mais duras as rodas de um skate, maior velocidade ele alcançará, entretanto terá menos aderência. Rodas duras (aproximadamente acima de 90A) normalmente são utilizadas em pisos lisos, como os de pistas de skate. Para andar em pisos ásperos ou asfaltos (que no Brasil são normalmente muito ruins) são indicadas rodas mais macias (75A a 85A), para absorver um pouco da trepidação e ter uma melhor aderência.

Quanto ao diâmetro, os longboards normalmente utilizam rodas grandes (acima de 60mm) e quanto maiores, mais rápidas serão.

Rolamentos
Os rolamentos ficam encaixados no interior das rodas para permitir que elas girem no eixo (truck), sendo que cada roda possui um rolamento de cada lado, totalizando 8 rolamentos no skate. Existe uma escala chamada ABEC que é muito utilizada para classificar os rolamentos, entretanto ela não foi criada com foco em skate, mas sim para a indústria, dessa forma muitos fabricantes argumentam que não é uma escala apropriada e criam as suas próprias denominações. Essa escala ABEC divide os rolamentos em classes representadas pelos números impares (ABEC 1, ABEC 3, ABEC 5 etc) e quanto maior, melhor seria o desempenho do rolamento. Entretanto, essa escala não avalia todas as características relevantes, sendo possível encontrar rolamentos ABEC 11 de baixa qualidade (normalmente atribuídos à marcas nacionais) piores do que outros (normalmente atribuídos à marcas importadas) de classes ABEC inferiores ou que não são classificados dessa forma. Devido à importância dos rolamentos e o não muito alto custo deles, sugiro comprar rolamentos de marcas reconhecidamente boas, tais como Bones, Mini-logo etc.Rolamento Bones Reds

Parafusos
Os parafusos servem para fixar os trucks ao shape e não fazem diferença no desempenho ou utilização do skate, aparentemente utiliza-se da marca que tiver na loja. Custa barato, por volta de 10 reais, algumas lojas até dão de brinde se você comprar todas as peças do skate.

Lixa
A lixa é colada por cima do shape para dar aderência entre o skate e os pés. Poucos shapes já incluem a lixa, mas algumas lojas dão de brinde a lixa se você comprar todas as peças do skate. Alguns skates já montados de marcas gringas (como a Globe) substituem a lixa por um jateamento de areia (chamam de silício para ficar bonito) e aparentemente esse processo impermeabiliza o shape, dando maior durabilidade e resistência à agua, além de deixar visível a parte superior do shape (válido principalmente no caso dela ter gravuras). Entretanto, o preço é bem alto e não acho válido para iniciantes, fora avaliar se essas qualidades serão realmente úteis. Por exemplo, eu dificilmente daria um mergulho na praia e em seguida iria andar de skate, o que não justifica o investimento.

Pronto, agora que já abordei todas as peças necessárias e a influência de cada uma no skate, vamos às possibilidades de compra que me deparei:

  • Comprar um skate de baixa qualidade e trocar os rolamentos por outros de melhor qualidade: o skate custaria barato (menos de 300 reais) e trocando os rolamentos por outros de alta qualidade (aprox. 70 reais) conseguiria um desempenho minimamente satisfatório.
  • Comprar um skate de alta qualidade: teria um skate “para a vida toda” (segundo os vendedores), mas por um custo muito alto (acima de 700 reias).
  • Montar um skate com as peças que eu escolhesse: garantiria qualidade no que mais importa para mim e economizaria no que importa menos, sem pagar pela marca do skate. Conseguiria um skate de boa qualidade com um orçamento razoável (entre 380 e 500 reais).

Me decidi pela última opção, de montar um skate. Na verdade quem montou foi a loja na mesma hora (uns 30 minutos), mas eu questionei cada sugestão e escolhi cada peça, considerando aquelas que me pareciam mais interessantes em relação ao custo/benefício. Comprei meu skate longboard na Roques Skate Shop da R. Visconde do Rio Branco em Niterói e fui muito bem atendido pelo vendedor/skatista Bruce. Indico!

Seguem abaixo a descrição dos componentes que escolhi para o meu skate e fotos dele.

  • Shape simétrico para longboard da marca Cush (nacional)
  • Truck invertido da marca Gobby (nacional)
  • Roda Sector 9 Race Formula Wheels 69mm 78A (importada)
  • Rolamento Red Bones (importado)
  • Parafusos e lixa que tinham na loja e foi brinde

Meu skate montado - Roda e truck Meu skate montado - Shape

Se você estiver atrás de uma loja para comprar peças ou o skate completo, veja a nossa lista de lojas de skate. Se conhecer alguma loja que não consta nela, nos envie as informações da loja através dos comentários para acrescentarmos.

Além do skate, não esqueça dos equipamentos de segurança!

 

1 Resultado

  1. Danillo disse:

    Iai cara ta curtindo seu long? Estou pensando em comprar um shape Cush tb, são bons? Gastou quanto mais ou menos no long completo? Abraço!

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: